segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

Testemunho, um cântico.



No caminho, em cântico e em amorosidade, Deus-ação.
Mostrou-me a página certa, levou-me os medos abobalhados.
Cantou para mim, em linguagem poética...hinários.
Mostrou-me o caminho, deixou-me a interpretação de ouro.

Mais do que pode a razão, seu testemunho me acompanha.
Mais do que sabe a interpretação, sua mão benfazeja,
Em nossos caminhos, não fraqueja, fortalece-nos, ergue-nos, é sustentação.

Um tesouro, um presente, uma travessia, uma prova. Um teste.
Quase reprovada, jamais abandonada, eis-me aqui, Senhor...
A testemunhar o seu amor, enriquecida, enrijecida, fortalecida.
A agradecer, a ter que dizer, quão grande é.

Graças ao Seu Amor, escola viva em nossos dias.

Kátia in aura.

Nenhum comentário: