terça-feira, 29 de julho de 2014

Pólen

Onde deixarei meus baús, meus sonhos e fitilhos? Onde deixarei as lágrimas escorridas e os gritos abafados de alegria? Digam-me! A mobília pesa, os ombros cedem, preciso logo da partida, desta que deixam pelo caminho os escaninhos de amor e dor. Olhem, são várias peças pesadas, juntei muita tralha e pequenos valiosos tesouros! Os olhos engordaram, a pressa aumentou o ajuntado. É uma judiaria não ter tempo de olhar um por um destes guardados, com a calma e atenção que merecem. Sorver cada minuto vivido, transcendendo alfazemas pelas roupas guardadas. Das anáguas, das peças camisolas, dos babies dolls, e pequenas peças do vestuário com algumas manchas que resistiram ao sabão em pó, com pequenos pelos visíveis lá, ou acolá, talvez de algum animação de estimação antigo, que sobreviveu ao tempo. Neste instante, os passarinhos cantaram, todos sobre a árvore gigante e acolhedora. Disseram trinados horríveis, estavam angustiados diante da dúvida do voo derradeiro... e a passagem, e a travessia, e as peças todas? Ficaram, ficaram, ... esperando Marias.

k.t.n. in pólen!

4 comentários:

Danusius disse...

Etou a seguir esse blog , gostei muito de tua postagem , tem haver com um pouquinho de cada um de nós. eu me vi tb ali, na história e na criatividade. "Parabéns por teu lindo trabalho." Bj
Danusio Araujo

Danusius disse...

Olá ...espero que tu sejas mais uma amiga virtual nesse blog, que por mim pouco entro ou faço uso do mesmo.Ocasionado por outros interesses ou não entender como funcionar o blog, gosto de ver os demais e curtir, são lindo e cheios de encantos. Não sei como fazer, por isso é com é. sem nada ^_^ bj

Danusius disse...

Olá Kátia Torres,fiz dois comentários em seu blog, volto depois para curtir e deliciar-me com toda a beleza de sues escritos. Obrigado por essa oportunidade que me deste em poder ver curtir e comentar sobre o que tão belo vi. bj
Grato.

Danusius disse...

Amei e adorei tudo , estou com muito sono, postarei com certeza outras vezes neste blog que me deixou faminto. bj