domingo, 16 de março de 2014

Perdão


Perdoa, Senhor, esta falta de tato,
esta pressa inexata que me leva ao chão.

Perdoa, Senhor, meus dias de festa,
em que não vi a promessa do que deveria fazer.

Perdoa, Senhor, a falta de tempo,
a falta de paz, as amizades jogadas.

Se puder, perdoa ainda, o meu destempero,
as atividades negadas e o próprio amor por mim.

Alivia, Senhor, o fardo cansado,
que dorme nas costas, dos teus filhos teus.

Alivia, Senhor, a novela emprestada,
 olhando os caminhos, dos que me divisam a paz.

Alivia, Senhor, o cansaço do amigo,
a pedra escondida, que pretendia atirar.

Amor, meu Senhor, envia para nós,
Redentor, em prece, em saúde, em risos e alegria.

Amor, meu Senhor, destila em barcos, amor,
destila em neves, fulgor, o seu puro clamor.

Amor, Nosso Senhor, fica em nossos corações,
ajuda-nos na nobre missão de chegar junto a Ti.


k.t.n. in momento de prece

Nenhum comentário: