terça-feira, 30 de dezembro de 2008

‘Bom Vivant”



Bom de vida. Bom na vida. Bom em nada. Bom em tudo.
Viva – apareceu na festa – dançou – fumou charuto – cachimbo da paz.
Bebeu – Amou. Dormiu. Tarde acordou.
Mas se lavou e lá estava: ‘Bon Vivant ... hey de Marchand...”

28/01/2008

Nenhum comentário: